5ª FestLeite: um evento para se destacar na história

Data - 1 de maio de 2014 / Autor - morgana / Categoria - Notícias 5ª Festleite

 

07230

 

Assim como o layout dos materiais gráficos trabalhou com o conceito de sol, a 5ª FestLeite, ocorrida entre os dias 24 e 27 de abril, foi contemplada com dias sem chuva, consagrando ainda mais o seu sucesso. Mais de 200 voluntários dedicaram trabalho, há meses, para a realização do evento, que ocorre a cada dois anos. Foram quatro dias de feira, exposições, seminários, entretenimento e gastronomia. Cerca de 35 mil pessoas passaram pelo Parque Municipal de Eventos Aldi João Bisleri. Essa edição teve um motivo a mais para festejar: o incremento do marco de 50 anos da instalação político administrativa de Anta Gorda. O prefeito, Neori Luiz Dalla Vecchia, tem a certeza de que os quatro dias serão lembrados pelas atuais e próximas gerações. “Comemoramos a história fazendo história, reunindo a comunidade para recordar e festejar nosso passado e nossa atual e pujante economia”, afirmou.

Entre as novidades destaques da edição, estiveram o helicóptero e o cedelinho. O primeiro oportunizou voos panorâmicos aos interessados em sobrevoar as imediações do centro de Anta Gorda. No total, conforme informações da empresa responsável, 286 pessoas aproveitaram a oportunidade. Já o cedelinho, locado da Câmara de Dirigentes Logistas (CIC) de Lajeado, esteve disponível, gratuitamente, transportando a comunidade, estudantes, autoridades e turistas, em geral, da Praça Dr. Borges de Medeiros, em frente à Sociedade Cultural e Recreativa Carlos Gomes, onde ocorreram os seminários, até o parque de eventos.

O presidente da 5ª FestLeite, Darci Angelo De Carli, após o encerramento, disse poder dormir mais tranquilo, tendo a certeza do dever cumprido. “Foi uma gestação, nove meses de compromissos e preocupações para que tudo desse certo. Me sinto feliz por ter conseguido, junto com o grande número de pessoas que colaborou, ter alcançado êxito”, contou Darci, falando da satisfação em receber elogios pela organização de todos os setores.

O principal objetivo da FestLeite foi divulgar as potencialidades locais, com destaque para as produções de leite e nozes, duas culturas que são o principal motivo do evento existir. E como forma de valorizar essas atividades, que têm grande importância econômica para o município, o Salão da Gastronomia e a Cantina da FestLeite também despontaram como importantes atrações. A procura surpreendeu, com cerca de 3 mil pessoas aproveitando as mais de 60 delícias oferecidas. Foram aproximadamente 800 participantes a mais do que na edição anterior.

Integrando a agenda de programações, na quinta-feira (24), ocorreu o III Seminário da Cultura da Noz Pecan com 225 produtores ou interessados pela cultura, vindos de 67 municípios. Os temas apresentados abordaram desde o preparo da terra para plantio até os cuidados com o armazenamento do produto. Na segunda parte do evento, ocorreu a tarde de campo, na Linha Pedro Álvares Cabral – propriedade de Jairo Casagranda – com demonstrações práticas do que foi exposto pela manhã.

Nesse mesmo dia, prefeitos de 28 municípios da Associação dos Municípios da Região do Vale do Taquari (Amvat) reuniram-se para o encontro mensal. Ao mesmo tempo, 33 soberanas e 19 primeiras-damas participaram de um passeio de Cedelinho pela cidade e participaram de dinâmicas de grupo.

Na abertura oficial, o prestígio da população chamou a atenção: um grande número de pessoas acompanhou a solenidade, que contou com a presença de várias autoridades como deputados federais, estaduais, entidades representativas do setor primário e do Secretário de Agricultura, Pecuária e Agronegócios do Rio Grande do Sul (Seapa), Cláudio Fiorese.

O V Simpósio da Cadeia Produtiva do Leite também registrou números recordes de participações: foram 450 pessoas de 16 municípios, todas com o objetivo de aprimorar suas produções agregando conhecimentos e técnicas especializadas. Foram cinco palestras e exposição de casos de sucesso como exemplos a serem seguidos. Os programas de incentivos à área leiteira da Seapa também foram apresentados aos presentes.

Fechando a grade de eventos técnicos, no sábado (26), mais de 400 professores reuniram-se no Seminário Regional de Educação. O tema avaliação e progresso cognitivo foi exposto pelo professor Daniel da Rosa Eslabão.

Também foi bastante elogiado pelos profissionais da área, o concurso do gado leiteiro destacou-se à nível estadual. O julgamento, coordenado pela Associação dos Criadores de Gado Holandês do Rio Grande do Sul (Gadolando), contou com a participação da Associação dos Criadores de Gado Jersey do Rio Grande do Sul e da Associação dos Criadores Gaúchos de Zebu e Núcleo Gaúcho de Criadores de Gir Leiteiro. Todos os animais participantes da FestLeite estão habilitados a participarem de feiras nacionais, devido ao rankiamento.

As crianças também tiveram seu momento. Na sexta-feira, em turnos de aula, visitaram o parque e acompanharam a apresentação do Grupo Peraltas.

A presença do governador do estado, Tarso Genro, engrandeceu ainda mais o evento. Ele chegou por volta das 15h30 do sábado, conferiu expositores da feira comercial e industrial, fez seu pronunciamento, degustou produtos da gastronomia e brindou com leite o momento histórico para o município. Tarso esteve pela primeira vez em Anta Gorda.

Ainda no sábado, à tarde, ocorreu o Baile Municipal da Terceira Idade. Embalada pelo cantor Renan Junior e pela Banda Os Gaudérios, a oportunidade também serviu para eleger Eda Canton Riboldi como rainha e Rosina Bondan e Romilda Ferrari Dalvit como Princesas da Melhor Idade. No total, haviam 14 candidatas.

À noite, a cultura teve espaço com a apresentação da Orquestra de Travesseiro e do Teatro do Centro de Referência de Assistência Social. O Grupo de Cantorias Italianas Bell Cantare e o Coral Municipal também apresentaram-se no evento.

Os 50 anos de história de do município, que em sete de abril comemorou aniversário de instalação do centro administrativo municipal, tiveram um momento especial no domingo, à tarde, quando foram homenageadas todas as ex-soberanas e alguns cidadãos ligados à história. Um vídeo contando um pouco do processo de emancipação também foi acompanhado com atenção pelas milhares de pessoas presentes.

O domingo registrou o maior número de pessoas; estima-se que, só nesse dia, cerca de 20 mil pessoas circularam pelo parque. A aglomeração concentrou-se para o show nacional com a dupla sertaneja Hugo & Tiago. Dezenas de fãs aclamaram e suspiraram com os cantores que mostraram simpatia ao receberem todos os interessados em tirar fotos ou pedir autógrafos. Para o entretenimento ainda houveram os shows de Oswaldir e Carlos Magrão, Netto & Junior, Sanfona Maluka, Banda Motriz, Super Banda Knecus, Porto do Som e Explosão do Baile.

A segurança do evento esteve à cargo da Brigada Militar. Segundo o capitão Ricardo Machado da Silva, responsável pela comissão, não foi registrado nenhum tumulto ou transtorno significativo.

O encerramento oficial, ocorrido junto com uma homenagem aos patrocinadores, antes do show, reservou emoção e lembranças. “Um marco que comemora nossos 50 anos e, com certeza, também marca a história de nossa gente”, exclamou o prefeito Neori, que não mediu agradecimentos a todos que colaboraram para a realização da 5ª FestLeite.

A diretoria do evento destaca agradecimentos: às 16 comissões, às soberanas, à mascote Vaquinha Mimosa, ao Clube de Mães Paz e Amor, à Brigada Militar, à Emater, aos voluntários, aos patrocinadores, aos expositores, aos visitantes, aos apoiadores, aos palestrantes, aos técnicos, a todas as Secretarias da Administração Pública Municipal e, principalmente, à comunidade local que, juntos, concretizaram a 5ª FestLeite em uma grande festa.